< voltar

Crescendo

31 Janeiro
Adaptação em uma escola nova

Adaptação em uma escola nova

Está chegando a hora da volta às aulas e, além das novidades do novo ano, alguns pequenos tem que lidar também com um novo ambiente. Nessa fase de adaptação pode ser que o seu pequeno não se acostume de cara com o novo cenário. Por isso, é importante estar preparado para manhas, choros na porta da escola e desculpas para não ir à aula. É por isso que os papais e mamães desempenham um papel fundamental nesse momento, principalmente amenizando os medos e ajudando a passar a eles segurança e confiança. Diferença de idade Quando pequena, a criança possui menos recursos emocionais para mudanças, principalmente quando elas ocorrem longe dos pais. Quando maiorezinhos, elas já sabem assimilar e se adaptam com maturidade aos novos desafios. Irredutível Seu pequeno está persistindo em não frequentar as aulas mesmo depois de alguns dias ou semanas? Que tal uma conversa com a orientadora da escola? Você pode pedir, de surpresa, para ver o seu filho naquele momento. Assim, você poderá avaliar melhor os motivos da insegurança dele. É verdade que as crianças podem criar fantasias até mesmo para chamar atenção dos pais, mas o seu olhar e conhecimento pode identificar o que está incomodando o seu filho. Se mesmo assim a resistência persistir, o diálogo é fundamental para que, aos poucos, a criança entenda as mudanças. Dificuldades mais comuns É comum, principalmente no começo, as crianças sentirem dificuldades, como:
  • A falta de entrosamento com os colegas.
  • Seguir as novas regras da escola.
  • Não ter afinidades com os professores e funcionários da escola, gerando insegurança.
  • Saudade da escola anterior e dos coleguinhas.
  • Adaptação com o espaço físico.Para ajudá-los, as principais medidas que você pode tomar são:
  • Não deixe seu filho faltar na escola, isso dificulta ainda mais a adaptação.
  • Se a criança tiver mais de seis anos, convide-a para escolher algumas escolas junto com você. Isso faz com ele se sintam participantes da escolha.
  • Antes do início das aulas, leve-o para conhecer e se familiarizar com o ambiente e, se possível com os professores da nova escola.
  • Mesmo se não concordar com alguma atitude da escola, não comente isso perto das crianças. O melhor a fazer é tentar o diálogo diretamente com a instituição, para não depositar ainda mais insegurança nos pequenos.
Entenda os medos e anseios do pequeno. Escute, fale, imponha seus limites e dê toda a segurança do mundo a ele. Não se preocupe: aos poucos ele estará adaptado, cheio de amiguinhos e contando as novas aventuras e descobertas :) Fonte: http://delas.ig.com.br/