< voltar

Crescendo

24 Agosto
Evitando a agressividade

Evitando a agressividade

É normal que as crianças, principalmente até os três anos, reajam de forma agressiva a algumas situações. Isso acontece porque os pequenos ainda estão aprendendo a lidar com suas emoções, e ainda não sabem muito bem como resolver suas insatisfações. Com orientação e paciência, os papais e mamães podem evitar esse comportamento. Veja algumas dicas: Estabeleça regras Deixe claro à criança regras de comportamento. Por exemplo, é proibido morder e bater. Pode ser que nas primeiras vezes ela não entenda ou queira desafiar, mas é importante explicar sempre com calma e clareza as consequências desses atos de maneira que ela consiga associar. Autocontrole Naturalmente, as crianças são mais impulsivas porque ainda não sabem como devem se comportar. E isso precisa ser ensinado. Oriente sempre que, mesmo quando estamos insatisfeitos, não podemos traduzir esse sentimento em agressividade e mostre outras formas de resolver o problema. Sem violência Muitas vezes o impulso dos adultos também é bater na criança, mas isso deve ser evitado. Afinal, ela vê os pais como exemplo e começa a entender que a violência é o melhor caminho para resolver as insatisfações. Incentive o carinho O poder do carinho é maior que o da raiva! Quando ele estiver irritado, mostre como um abraço ou um cafuné pode ajudar a acalmá-lo de uma maneira muito mais gratificante do que a violência. Tenha paciência Eles estão aprendendo. Por isso, tenha paciência. Levará tempo até que eles consigam assimilar todas as orientações e colocá-las em prática. Lidando com a raiva Mostre a ele formas positivas de lidar com a raiva. Por exemplo, ela pode desabafar os motivos de estar brava com as palavras, dizendo o que a deixou daquele jeito. Também é interessante incentivá-la a fazer alguma atividade para liberar a energia ruim e se distrair, como ir desenhar, dançar, brincar ou ler um livro. Elogie mais Elogiar os bons comportamentos valem mais do que chamar atenção quando se comportam mal. Quando são elogiadas, as crianças se esforçam mais para repetir o bom comportamento. Faça isso principalmente quando elas lidarem com a raiva de maneira positiva ou utilizarem um de seus ensinamentos. Com amor e carinho, logo os pequenos entendem que vale muito mais a pena lidar com os problemas de forma positiva :)   Fonte: Pequenada.com