< voltar

Cuidando

08 Novembro
Deixar o bebê chorar: sim ou não?

Deixar o bebê chorar: sim ou não?

O choro é a forma do bebê se comunicar com o mundo e, na tentativa de entendê-los melhor, os pais são bombardeados com muitos conselhos, palpites e teorias. Algumas teorias defendem que deixar o bebê chorar até que ele consiga se acalmar sozinho e dormir é a melhor saída, outras que eles ainda são muito pequenos para entender e que precisam da ajuda dos pais para se acalmar. Por isso, o melhor é pegá-los no colo e mostrar-se presente. Como saber, então, qual a melhor delas? Segundo o pediatra espanhol Carlos Gonzáles, autor do livro Bésame Mucho a resposta é a seguinte: “Seu bebê já aprendeu a dormir antes mesmo de nascer, dormir é imprescindível para a vida. Seria mágico se o seu bebê entendesse que ele precisa dormir dez horas seguidas e sem chorar, e seria melhor ainda se ele obedecesse. Mas não é bem assim que funciona, os métodos que habitualmente se recomendam para ensinar o pequeno a dormir se baseiam em não balançar quando eles estão chorando, não consolá-los, não acompanha-los e não acalmá-los. Na verdade, o que você passando a ele é que não vale a pena chorar, porque ninguém vai vir, eu não quero ensinar isso aos meus filhos. O que eu ensino a eles, desde o nascimento, é que, quando precisarem de mim, é só chamar, que eu vou acudi-los o quanto antes e farei o possível para ajudá-los, tenham eles 3 meses ou 30 anos”. Visto isso, a melhor maneira é sempre a que os pais julgam correta. A única certeza é que com amor e muita paciência tudo se resolve. E, não há nada mais gratificante do que ver nossos filhos dormindo com serenidade e sossego.   Fonte: Revista Crescer