< voltar

Cuidando

16 Fevereiro
Lancheira saudável e prática: é possível!

Lancheira saudável e prática: é possível!

A educação alimentar das crianças pequenas depende muito dos pais. E é grande a chance dos pequenos se tornaram adultos com hábitos saudáveis se isso já vier desde cedinho! Claro que você pode dar o exemplo em casa e evitar os doces e refrigerantes, por exemplo. Mas a lancheira da escola é outra excelente oportunidade de educar seu filho – e, além de tudo, preparar lanchinhos caseiros pode ser bem mais econômico, também. E o que deve ter uma lancheira balanceada?
  • Frutas: prefira as que têm cascas, já que as chances de oxidação – que deixa as frutas escuras – são menores. Bananas, pêras, maçãs, uvas, pêssegos... Mangas e melancias cortadinhas são opções bacanas também. Deixe seu filho experimentar de tudo!
  • Barrinhas de cereais: você pode fazer na sua própria casa essas barrinhas, e sem gastar muito! Elas são uma maneira diferente de oferecer grãos aos pequenos
  • Sanduíches: se não tiver tempo de assar pãezinhos, prefira os integrais. Você pode preparar o recheio com patês de cenoura ou beterraba, por exemplo, que são coloridos e nutritivos! Se for usar geleias, prefira as que não contêm açúcar
  • Sucos naturais: infinitamente mais saudáveis que os refrigerantes e mesmo os sucos de caixinha, não é mesmo? Mas as vitaminas das frutas podem oxidar rapidamente, então você precisa usar dois truques: - use garrafinhas escuras e que ficam bem vedadas; encha o máximo que puder, para que não tenha tanto ar dentro delas - sabores como acerola, melão, abacaxi e maracujá oxidam menos e o sabor fica gostosinho por até seis horas
Achou difícil? Você pode separar algumas horinhas do fim de semana para pensar no cardápio e preparar barrinhas, patês e geleias diferentes, para deixar os dias úteis mais práticos. Antecipação pode ser uma ótima aliada para quem tem vida agitada. E você, que dicas tem para deixar a lancheira bem saudável e gostosinha? Fonte: Comer para Crescer